vencedores - 2016

Publicado: segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

AACD – AACD Desenvolve Alternativas de Captação para Contornar a Crise


HISTÓRICO
O ano de 2015 marcou a história da Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD). Inaugurada em agosto de 1950, a Instituição completara 65 anos de atividades, mais de 20 milhões de atendimentos realizados, que possibilitaram beneficiar aproximadamente 50 milhões de pessoas direta e indiretamente. Números expressivos para uma entidade que tem em sua essência o trabalho voluntário e que demanda de doações das mais diversificadas fontes.
Porém, então com 15 Unidades distribuídas em sete Estados, seis oficinas ortopédicas e um hospital, o Conselho de Administração se viu diante da difícil decisão de encerrar as atividades da AACD Campo Grande (na Zona Sul de São Paulo) e da AACD Santana, na Zona Norte do mesmo município, ambas entregues a população em 2011.
Durante os quatro anos de atividades, ambos os centros tiveram raros momentos de prosperidade financeira enquanto conviveram com a realidade semelhante à de outras Unidades da AACD, que operavam no linear entre a equalização das contas e o fechamento negativo dos balanços. Fatores agravados diante do desequilíbrio financeiro causado quase que essencialmente pelo baixo valor de repasse do SUS, com tabelas sem reajustes há mais de oito anos.



CENÁRIO
Corrupção, drogas, violência, lentidão da justiça, sentimento de impunidade, saúde, inflação, desemprego e impostos altos. Essas são as principais aflições dos brasileiros, conforme resultado de uma pesquisa encomendada por um tradicional veículo de comunicação. Essa dura realidade não afeta somente pessoas físicas. Empresas estão sendo obrigadas a enxugar o quadro de colaboradores, reduzir a estrutura e rever orçamentos em prol da manutenção e continuidade das atividades.
Uma das formas empregadas pela Instituição para neutralizar o impacto negativo gerado por desconfortáveis notícias foi impor um ritmo ainda mais inovador na área de captação de recursos da AACD. Dessa forma, além de aperfeiçoar os canais tradicionais já existentes como a Corrente do Bem, quadro de doadores regulares (Mantenedores), ações com troco solidário, novos mecanismos para potencializar a digitalização de notas fiscais paulistas, introduzimos novos canais.
A Fantástica Máquina Resolvedora de Problemas, campanha pró-bono desenvolvida pela agência Z+, do Grupo Havas, especialmente para Instituição, foi um dos novos canais. A ação consiste em fazer as pessoas repensarem sobre as dimensões dos seus problemas, colocando-as frente a frente com a realidade vivida pelos milhares de pacientes com deficiência física atendidos pela instituição.
Pela primeira vez em 66 anos de atividade, a AACD em vez de pedir ajuda à sociedade, passou a oferecer solução para os problemas comuns de qualquer cidadão. No entanto, assim como a maioria das Organizações Não-Governamentais (ONG), a AACD sobrevive por meio de doações. E, em momentos de crises, elas costumam cair drasticamente. Somente em 2015, o volume de recursos recebidos reduziu cerca de 30%. E a Máquina Resolvedora de Problemas foi uma solução encontrada para contornar esse cenário.
Outro canal criado foi fruto de uma parceria com grande empresa de financiamento. A entidade passou a receber recursos provenientes da comercialização de um título de capitalização, que além de permitir que o comprador concorra a vários prêmios, 100% do saldo de resgate é revertido em prol dos atendimentos oferecidos à pessoa com deficiência física.
Outra alternativa que permitiu multiplicar recursos recebidos foi o “Sorteio Premiado”. Após receber dois veículos zero quilômetros, doados por duas tradicionais montadoras nacionais, a AACD decidiu sortear os veículos entre aqueles que contribuem regularmente com valores em dinheiro para a Instituição: os mantenedores.
Complementando as ferramentas alternativas de captação de recursos desenvolvidas pela AACD ao longo de 2015, a Instituição resgatou um hábito relativamente esquecido pelas pessoas e modernizou os tradicionais cartões de natal, que outrora rendiam recursos valiosos ao caixa da entidade no fim de cada ano.
Com uma versão moderna e digital, os antigos cartões de papéis deram lugar a mensagens animadas digitalmente que, com muita sensibilidade, motivaram as pessoas a resgatar esse gesto de desejar os tradicionais votos de fim de ano de forma digital, utilizando uma ferramenta de edição de vídeo atrelada a um hotsite desenvolvido especialmente para esta ação.



DESAFIO
O principal desafio destas quatro grandes ações desenvolvidas pela AACD era, claro, contribuir para uma maior sensibilização da sociedade sobre a situação delicada em que a Instituição se encontrava. Dessa forma, o objetivo principal era angariar mais recursos para reverter cenário de queda no volume das doações, já registrado em 2015.



EXECUÇÃO
A execução da campanha da Máquina Resolvedora de Problemas contou com uma intenção ação de marketing, afinal, o case foi divulgado sem fazer qualquer menção inicial à AACD e contou com o apoio dos veículos de comunicação de massa e, claro, da própria internet, onde o vídeo campanha (https://www.youtube.com/watch?v=UFo32ANjCGo) viralizou em poucos dias, com milhares de pessoas impactadas, que compartilharam o conteúdo.
Já a realização das vendas do título de capitalização segue os resultados do volume de empréstimos consignados ou contratos de financiamento imobiliário ou de veículos firmados pela instituição financeira parceira. Isto porque o título é uma das opções para o seguro obrigatório que as pessoas precisam contratar ao realizar este tipo de transação financeira.
A doação premiada, por sua vez, teve sua estratégia renovada haja visto que as pessoas já estavam acostumadas a receber o boleto para contribuir com a AACD. No entanto, esses doadores precisavam entender que o boleto adicional, além de ajudar a Instituição, traria uma possibilidade de ganhar um carro zero quilômetro.



RESULTADOS
Os resultados de todos esses esforços podem ser medidos, por exemplo, pela mídia espontânea que a AACD obteve com a campanha da Máquina Resolvedora de Problemas. Foram 77 menções em reportagens de sites e blogs na internet, veiculação de 12 reportagens na TV e ainda pautou jornais e revistas. Além disso, o conteúdo repercutiu nas redes sociais. O vídeo foi visto por mais de 106 mil pessoas, compartilhado por outras 803 e curtido por centenas de fãs das páginas administrada pela AACD.
Mesmo não comercializando todos os bilhetes para concorrer a doação premiada, a ação foi considerada um sucesso pelo resultado obtido. O valor somado dos dois veículos recebidos como doação pela instituição, representa cerca de 20% do montante arrecadado pela AACD com a venda dos títulos e premiou duas pessoas.
Por fim, a revitalização e o resgate da tradição de enviar cartões de natal, além de reverter valores para a AACD, haja visto que as pessoas precisavam realizar doações para terem acesso ao download dos arquivos, teve como mérito a instalação de um a plataforma digital para compensar a queda nas vendas dos cartões tradicionais.
Em 2015, mesmo sendo lançada já em dezembro, a plataforma permitiu que a AACD angariasse mais de 50 mil reais somente com o download e envio dos cartões digitais.

galeria de fotosver todas >

  • Walter Longo
  • Armando Ferrenti e Walter Longo
  • Vigor Grego
  • Nova Vigor Mix
flickr
by