vencedores - 2013

Publicado: quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Jornal O Liberal do Grupo ORM / Pará: Amazônia viva: A revista que pauta a Amazônia.



Histórico/Antecedentes/Circunstâncias

Atualmente a imprensa só divulga uma Amazônia devastada pela exploração desenfreada do homem, cheia de problemas socioambientais e alvo da ambição internacional. Sendo assim o Jornal O Liberal, das Organizações Romulo Maiorana, de Belém do Pará, criou, em 2011, a Revista Amazônia Viva.

Problema/Desafio/Oportunidade

A Revista Amazônia Viva busca apresentar ideias e soluções para a Amazônia através do jornal mensalmente às primeiras quartas-feiras. Com 70 páginas, 100% colorida, no formato 25cm x 30cm, impressa com papel certificado pelo “Forest Stewardship Council” (FSC), tem tiragem de cerca de 35 mil exemplares por edição. A quarta-feira foi o dia da semana escolhido para preencher uma lacuna de informações no dia a dia dos leitores, que acolheram de forma muito positiva o produto pioneiro no mercado editorial paraense.

 

Plano

Ao introduzir a revolução gráfica e editorial no Estado de forma marcante e definitiva no mercado, o jornal O Liberal investiu na produção de um conteúdo que apresenta uma Amazônia que não estava sendo pautada. Para isso, as matérias e reportagens da Revista Amazônia Viva abordam temas com base em pesquisas inovadoras para melhoria da sociedade e da biodiversidade da floresta, iniciativas de comunidades em favor do bem comum e produção cultural alternativa dos artistas regionais.

 

Execução/Ativação

A Revista Amazônia Viva aposta em uma equipe experiente de jornalistas e pesquisadores paraenses, além de firmar parcerias com institutos de produção de ciência na região, como o Museu Paraense Emílio Goeldi, de reconhecimento internacional, a Universidade Federal do Pará, a Universidade Federal Rural da Amazônia e Universidade do Estado do Pará. Todo esse envolvimento consolida a credibilidade da Revista Amazônia Viva junto aos seus leitores.

 

Resultados

A Revista Amazônia Viva é, atualmente, um dos suplementos de maior destaque do jornal O Liberal. Suas edições são amplamente utilizadas como referência de jornalismo científico entre estudantes de Jornalismo, Ciências Biológicas e ONGs ambientalistas; como material paradidático em escolas públicas e privadas; a revista também evidencia a valorização do profissional de jornalismo e da pesquisa, sendo vitrine para estudos científicos desenvolvidos na própria região; inaugurou uma nova linguagem jornalística no atual mercado editorial paraense a partir de 2011; seus responsáveis já foram convidados para palestras em eventos do governo do Estado, de universidades federais e centros de pesquisa; foi finalista no Prêmio HSBC de Jornalismo em 2012 e no Prêmio Comendador Marques Reis, da Secretaria de Estado de Turismo do Pará; tema de tese de Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) de jornalismo de alunos da Universidade da Amazônia (Unama). Esses resultados configuram a credibilidade da Revista Amazônia Viva, de O Liberal, mantendo a tradição de prestador de serviços à população por meio de um jornalismo ético e compromissado com a excelência de qualidade e a formação de leitores do jornal das Organizações Romulo Maiorana.

galeria de fotosver todas >

  • Walter Longo
  • Armando Ferrenti e Walter Longo
  • Vigor Grego
  • Nova Vigor Mix
flickr
by