vencedores - 2008

Publicado: terça-feira, 1 de janeiro de 2008

Petrobras – Projeto Comunidades





Empresa: Petrobras

Case: Projeto Comunidades


O PROBLEMA: A Responsabilidade Social está totalmente associada hoje, aos conceitos de crescimento integrado e rentabilidade da Petrobras. Para a empresa, responsabilidade social é – entre outras coisas – uma gestão integrada, ética e transparente dos negócios e atividades e das suas relações com todos os públicos de interesse. Uma de suas preocupações era manter estreito o relacionamento com as comunidades em que estava presente, avaliando constantemente sua imagem e percepção junto às populações das proximidades de suas instalações em todas as regiões do país. Em 2007, uma pesquisa realizada periodicamente demonstrou que grande parte das populações vizinhas das suas refinarias (Unidades de Negócio/UN’s), desconhecia os projetos sociais e ambientais realizados pela Petrobras e/ou não os associava à empresa.


O DIAGNÓSTICO: A constatação deu origem ao Projeto de potencialização da imagem de projetos sociais e/ou ambientais nas comunidades, destinado aos moradores das comunidades situadas no entorno das Unidades de Negócios em todo o país, atingindo chefes de família e donas de casa, crianças, adolescentes e líderes comunitários. Três objetivos principais estavam associados ao projeto: gerar aproximação entre Petrobras e os cidadãos, valorizar os projetos sociais e ambientais e despertar a consciência ambiental como responsabilidade de todos.


O PLANO: Para maior identificação do público das comunidades com os temas da campanha, o meio proposto foi colocar equipes nas ruas, para distribuir, de porta em porta, peças capazes de despertar o real interesse das pessoas e transmitir, em diferentes linguagens, a mensagem da campanha. Um desafio de gestão específicos à política de Responsabilidade Social da empresa: Atuação corporativa - assegurar que a governança corporativa do Sistema Petrobras seja comprometida com a ética e transparência na relação com os públicos de interesse. Gestão integrada - garantir uma gestão integrada em Responsabilidade Social no Sistema Petrobras. Desenvolvimento sustentável - conduzir os negócios e atividades do Sistema Petrobras com responsabilidade social, implantando seus compromissos de acordo com os princípios do Pacto Global da ONU e contribuindo para o desenvolvimento sustentável. Direitos Humanos - respeitar e apoiar os direitos humanos reconhecidos internacionalmente, pautando as ações do Sistema Petrobras a partir da promoção dos princípios do trabalho decente e da não discriminação. Diversidade - respeitar a diversidade humana e cultural de sua força de trabalho e dos países onde atua. Princípios de trabalho: apoiar a erradicação do trabalho infantil, escravo e degradante na cadeia produtiva do Sistema Petrobras. Investimento social sustentável - buscar a sustentabilidade dos investimentos sociais para uma inserção digna e produtiva das comunidades. Compromisso da força de trabalho - comprometer a força de trabalho com a Política de Responsabilidade Social do Sistema Petrobras.


A EXECUÇÃO: O projeto explorou os conceitos de co-responsabilidade para lidar com o meio ambiente e o bem-estar da comunidade, co-participação, limites e proatividade. O projeto foi iniciado com uma ação de guerrilha de grande impacto. Equipes treinadas e uniformizadas compostas por jovens das próprias comunidades distribuíram kits informativos dos projetos (sacola com folder institucional, revista infantil, jogos, bloco de desenho e estojo de lápis de cor), carros de som transmitiam spots em linguagem radiofônica com as mensagens do projeto. As peças de comunicação foram desenvolvidas com criatividade e primavam pela facilidade de compreensão, com diferentes linguagens, de acordo com as características de cada público. O foco foi na responsabilidade sócio-ambiental da Petrobras. Tanto o folheto para adultos como a revista infantil foram produzidos em edições customizadas, com informações locais, complementando as mensagens gerais, para maior identificação do público das comunidades com os temas da campanha. A chamada principal era “Você está aqui. Você vive aqui. Você mora aqui.” Para produzir as bolsas, a Rede Guardiões do Mar mobilizou comunidades carentes em vários municípios do Rio de Janeiro, gerando renda para 250 famílias, organizadas em torno de cooperativas de costureiras e artesãos. Para montar os kits, associações comunitárias do município de Juiz de Fora (MG) mobilizaram cerca de 200 pessoas, que foram remuneradas pelo serviço. A ação envolveu no total as comunidades mais representativas do entorno das refinarias Reman – Manaus (AM), Lubnor – Fortaleza (CE), Fafen-SE – Laranjeiras (SE), RLAM – São Francisco do Conde (BA), Regap – Betim (MG), Reduc – Duque de Caxias (RJ), Replan – Paulínia (SP), Recap – Mauá (SP), RPBC – Cubatão (SP), Repar – Araucária (PR) e SIX – São Mateus do Sul (PR).


OS RESULTADOS: A campanha abrangeu as comunidades mais representativas e próximas das UNs da Petrobras. Foram distribuídos 200 mil kits, atingindo cerca de 800 mil pessoas, uma vez que as diferentes peças contidas na bolsa do kit destinavam-se a todos os membros da família. O cuidadoso planejamento em cada localidade, a participação ativa de associações comunitárias e de outras organizações da sociedade civil contribuíram para que a chegada do projeto às comunidades fosse muito mais do que uma distribuição de kits educativos, nas casas, nas ruas e nas escolas. A marca da Petrobras chegou mais perto dos cidadãos, de todas as faixas etárias. Foi enfatizada a importância dos projetos sociais e ambientais, de modo que a consciência ambiental fosse percebida como responsabilidade de todos os cidadãos. No esforço permanente que as ações sócioambientais constituem para a Petrobras, os objetivos desta etapa do projeto foram plenamente alcançados.

galeria de fotosver todas >

  • Walter Longo
  • Armando Ferrenti e Walter Longo
  • Vigor Grego
  • Nova Vigor Mix
flickr
by